Näz

¼ da pegada de carbono das nossas roupas acontece quando cuidamos delas.

Quando olhamos para a vida útil do vestuário, verificamos constantemente que o maior impacto ambiental não está na produção mas sim na manutenção do vestuário – ao lavar, secar e passar a roupa.

Portanto a maneira como tratamos da nossas roupas tem um impacto ambiental maior que a própria produção. Logo, tu tens um grande poder em reduzir a pegada ambiental da roupa que usas.

Hoje, um agregado familiar lava as suas roupas 3.2 vezes por semana, muitas das vezes a uma temperatura maior que a necessária. Juntos conseguimos reaprender como lavar as nossas roupas. Se quiseres saber mais clica aqui.

Lavar menos

Considere outras opções além de lavar a roupa. Às vezes é suficiente arejá-las ou, melhor
ainda, vaporizá-los. Quando fizeres uma lavagem, faz cargas completas ou usa uma máquina
com tecnologia de lavandaria moderna que pode ajustar o ciclo ao peso da carga.

Baixas Temperaturas

A etiqueta de temperatura indica apenas o nível mais alto de segurança para esse tecido
em particular. Com máquinas de lavar a roupa modernas, podes facilmente usar uma
temperatura de 20-30 graus.
Ao fazer isso, economizas as fibras têxteis e a energia. Por exemplo, até 60% da energia
pode ser economizada ao passar dos 40 para os 30 graus.

Reduzir Limpeza a Seco

Limpeza a seco envolve produtos químicos que têm um efeito negativo sobre as fibras
têxteis, o meio ambiente e a tua pele. O que as pessoas podem não saber é que muitas
dessas roupas poderiam ter sido lavadas numa máquina comum com técnicas modernas,
causando menos stresse nas roupas e no planeta.

Menos Ferro

Algumas peças de roupa que estão etiquetadas com a recomendação de "passar a ferro" não
precisam ser engomadas. Em vez de passares a ferro, usa o programa de vapor do secador da
roupa para reduzir essa necessidade ou então usa um vaporizador, é muito prático e não
desgasta as tuas roupas.

previous arrow
next arrow
Slider

Como cuidar das tuas roupas por fibra:

SUMMER 2019 NAZ - WEB-130

Liocel

As roupas de Lyocell são geralmente to fáceis de tratar.
Lavar a 40º, não usar lixívia, ferro a temperatura média, de preferência do avesso para não ganhar brilho), pode ser limpo a seco e pode ir à máquina de secar a baixa temperatura. Sabe mais aqui.

WEB SUMMER 2019 NAZ-85

Algodão

O algodão é lavável, seca lentamente, pode ir à máquina de secar, pode ser passado a ferro, não é resistente a rugas.
Aconselha-se temperaturas mais baixas para peças coloridas (40ºC) e o ferro pode ir a alta temperatura.
Em malhas secar horizontalmente.

WEB SUMMER 2019 NAZ-72

Linho

O linho é lavável, de secagem rápida, pode usar máquina de secar, fácil de passar a ferro, não resistente a rugas.
Aconselha-se temperaturas mais baixas para peças coloridas (30ºC).
Pode ser passado a alta temperatura, note que as roupas devem estar húmidas.

NAZ WEB PICS-214

As peças de lã não precisam ser lavadas entre cada utilização, basta pendurá-las ao ar fresco ou numa casa de banho húmida para remover odores.
Para secar roupa de lã deves secar horizontalmente. Lavar com cuidado, à mão ou à máquina num ciclo frio especial para lãs.
Ferro em temperatura média com humidade ou sobre um pano húmido na roupa. Não deve usar máquina de secar, nem deve apanhar luz solar direta ou calor direto. 

SUMMER 2019 NAZ - WEB-48

Cupro

Cupro pode ser lavado à máquina, as cores claras podem ser lavadas num ciclo normal, morno (não quente!), no entanto as cores escuras é preferível lavar a frio.
Evite secar o Cupro na máquina de secar: é muito mais fácil manter o tecido sem vincos quando se seca verticalmente. Quando em malhas deve-se secar na horizontal. A passar a ferro deve-se usar temperatura média e sempre do avesso para que o tecido não ganhe brilho.

E depois?

e3f40ec0-beae-43d9-a319-92b31196ce8e

Por vezes ficamos fartos das nossas roupas (é normal, calha a todos!) ou a maneira como cai já não é a mesma, mas se as roupas ainda estão boas, doa-as!

Permite que outras pessoas usem-nas por mais algum tempo, ao fazê-lo estás a reduzir o seu impacto ambiental. Podes te juntar a um movimento Fashion Revolution, troca com os teus amigos. Também podes recorrer a organizações como a Oxfam e a Cruz Vermelha quem têm um impacto positivo em vez de enviarem as roupas para países em desenvolvimento para lá serem vendidas (ao fazê-lo, destroem a indústria de vestuário local).

Tenta aprender como arranjar as tuas roupas, elas foram feitas com carinho de modo a durarem, se tiveste um pequeno acidente com um fio puxado, ou um furo até, não há necessidade de a meter no lixo.

O Fashion Revolution costuma fazer eventos para ensinar como arranjar as roupas, mas há também tutoriais espectaculares online onde podes aprender como fazê-lo de maneira a ficar imaculada!

1afcd904-4587-488c-967f-59945a7cb769
0-(15)

As tuas roupas já não estão boas para doar ou arranjar? Não há problema, por vezes usamos as nossas roupas até ao fim da vida útil delas – que durassem para sempre, certo?

Infelizmente o sistema de reciclagem do vestuário ainda está muito àquem do esperado, portanto nem sempre encontras uma solução. A Trait, por exemplo, é uma boa associação e como esta há muitas que também podes pesquisar. Se não conseguires encontrar nenhuma perto de ti, sempre podes reutilizar a roupa para outros propósitos como panos de limpeza ou até vestidos de bonecas. As ideias são infinitas e é sempre  melhor do que que deitar a roupa para lixo!

Close Menu
×
×

Cart